SOBRE NÓS

UNIVERSO DA SUSTENTABILIDADE DA ÓPTICA

SOBRE NÓS
UNIVERSO DA SUSTENTABILIDADE DA ÓPTICA

Rui Motty. 2023

Optomerista e CEO Optocentro. Vice-Presidente Câmara de Comércio Portugal Moçambique

Presidente e Sócio-Fundador AASO


Como sócio fundador e presidente da AASO, apresento as minhas cordiais saudações e dou-lhe as boas-vindas ao universo da sustentabilidade da óptica.


Em substância, a associação nasce da vontade de um pequeno grupo de interessados sensíveis à partilha de valores pela manutenção da vida. Também a sustentabilidade é disso de que cuida, a manutenção da vida. Vindos de múltiplas áreas profissionais e com interesses diferentes, rapidamente identificaram que a atividade da óptica, classificada como uma atividade de relevante importância para o bem-estar da sociedade, é responsável por um impacto no ambiente efetivamente ainda não determinado. Se por um lado a indústria possui instrumentos para aferir com relativa facilidade o rasto da pegada de carbono, o retalho da ótica, maioritariamente composto por microempresas familiares, apresenta dificuldades em constituir-se como um ecossistema ambientalmente responsável. Deve-se a isso a falta de disponibilidade dos responsáveis para atentar a outros assuntos, que não os que decorrem diariamente da obrigatoriedade profissional e, também, a falta de informação.


Sem grandes exercícios de retórica, tomamos muito rapidamente a consciência de que os resíduos do setor da óptica são um contributo inquestionável para este desastre ambiental global a que assistimos. Os materiais usados nesta indústria, as lentes de contacto, as lentes oftálmicas e as armações, são compostos por polímeros sintéticos com grande longevidade e lenta decomposição quando descartados no ambiente. Muito embora estes dispositivos sejam indispensáveis para a melhoria da qualidade de vida, a criação de canais de recolha para um encaminhamento seletivo é um assunto urgente. Terminado o ciclo de utilização, se forem abandonados indiscriminadamente no ambiente, transformam-se em pequenas bombas-relógio letais que silenciosamente envenenam a cadeia alimentar. A compreensão destes fenómenos deu origem a que nascesse a AASO, uma instituição sem fins lucrativos e subordinada ao esforço voluntário e coletivo.


Se num dos extremos deste ecossistema se encontra o consumidor e as diferentes necessidades visuais, no outro, o mesmo consumidor encerra o ciclo de vida dos diferentes dispositivos ópticos. Participam nele, direta ou indiretamente, académicos, cientistas, indústria, médicos, optometristas e retalho. Com efeito, o comprometimento transversal da sociedade civil, concede à AASO o seu perfil universal e inclusivo.


A missão da AASO é procurar adaptar à comunidade da óptica os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 das Nações Unidas. Unificar em torno de si muitos dos projetos existentes no mercado da óptica, nas vertentes, social, ambiental e de governança.


O entusiasmo supera barreiras. O compromisso dos 30 sócios-fundadores, individuais e coletivos, representantes da academia, da indústria e do comércio de óptica, é o alicerce para que esta associação cumpra os objetivos a que se propõe. Todavia, se também aceitar este desafio, participando como sócio da AASO, a minha convicção é a de que juntos, o céu não terá um limite.


Bem-haja!



CONFIGURAÇÃO DE COOKIES
OK
CONFIGURAÇÃO DE COOKIES
NECESSÁRIO
Os cookies necessários ajudam a tornar um site utilizável, permitindo funções básicas como navegação na página e acesso a áreas seguras do site. O site não pode funcionar corretamente sem esses cookies.
ESTATÍSTICAS
Os cookies estatísticos ajudam os proprietários de sites a entender como os visitantes interagem com os sites recolhendo e relatando informações anonimamente.
GUARDAR